Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

China acusa o maior jornal da Alemanha de ‘preconceito’

Tarciso Morais

Tarciso Morais

China acusa o maior jornal da Alemanha de ‘preconceito’
COMPARTILHE

“Você é muito orgulhoso e nacionalista demais para dizer a verdade”, disse o jornal alemão sobre o mandatário chinês.

O regime comunista da China e o Bild, maior jornal da Alemanha, estão em guerra em meio à pandemia do novo coronavírus.

Em um artigo recente, Julian Reichelt, editor-chefe do Bild, denunciou a omissão do mandatário chinês Xi Jinping no início do surto:

“Você [Xi], seu governo e seus cientistas sabiam há muito tempo que o coronavírus era altamente infeccioso, mas você deixou o mundo no escuro sobre isso. Seus principais especialistas não responderam quando os pesquisadores ocidentais pediram para saber o que estava acontecendo em Wuhan. Você é muito orgulhoso e nacionalista demais para dizer a verdade.”

O jornalista alemão continuou despejando críticas ao líder do Partido Comunista Chinês (PCC):

“Você governa pela vigilância. Você não seria presidente sem vigilância. Você monitora tudo, todos os cidadãos, mas se recusa a monitorar os doentios mercados úmidos em seu país. Você fecha todos os jornais e sites críticos à sua regra, mas não as lojas onde a sopa de morcegos é vendida. Você não está apenas monitorando seu pessoal, está colocando-o em perigo — e com eles, o resto do mundo.”

Pequim reagiu ao texto com uma carta aberta a Reichelt, negando as alegações e denunciando o “nacionalismo, preconceito e hostilidade contra a China”.

Em nota, segundo a Fox News, a Embaixada da China na Alemanha, declarou:

“ Além do fato de considerarmos um péssimo estilo culpar um país por uma pandemia que está afetando o mundo inteiro e, em seguida, apresentar um relato explícito de supostas dívidas chinesas à Alemanha, o artigo ignora alguns fatos essenciais.”

Nesta segunda-feira (20), a chanceler da Alemanha, Angela Merkel, pediu para a China ser mais transparente sobre a origem da pandemia, como noticiou a RENOVA.

- PUBLICIDADE -
Error: Embedded data could not be displayed.
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM
Error: Embedded data could not be displayed.