PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

China coloca pulseira eletrônicas em alunos para detectar coronavírus

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Medida é aplicada no momento em que a China teme uma nova onda de infecções por coronavírus.

A China, que é o país de origem do novo coronavírus, fechou todas as suas escolas em janeiro. Desde então, as aulas estavam sendo realizadas online. 

Os estudantes de Pequim voltaram às aulas, nesta segunda-feira (11), equipados com uma pulseira eletrônica que emite um alerta em caso de febre.

O dispositivo é o exemplo mais recente do uso maciço das novas tecnologias pelo regime chinês para manter a população sob intensa vigilância. 

Essas pulseiras inteligentes checam a temperatura do aluno em tempo real. Dessa forma, pais e escolas podem monitorar a situação dos estudantes por meio de um aplicativo por celular, de acordo com o jornal Beijing Daily.

Em caso de temperatura anormal — acima de 37,2 graus — a pulseira envia um sinal aos professores que são orientados a alertar a polícia, disse o jornal.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Encontrou um erro?

Para comunicar um erro de português, de informação ou técnico, preencha o formulário abaixo.