China condena ex-espião à prisão perpétua por corrupção

Idiomas:

Português   English   Español
China condena ex-espião à prisão perpétua por corrupção
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Ma Jian, um renomado ex-chefe da contraespionagem da China, foi condenado nesta quinta-feira (27) à prisão perpétua por corrupção.

Detido em 2015, Ma Jian, considerado o homem que controlou durante vários anos os poderosos serviços de espionagem e contraespionagem, foi declarado culpado pelo crime de corrupção, especialmente porque aceitou subornos.

O tribunal popular intermediário da cidade de Dalian, na província de Liaoning, considerou que Ma cometeu “os crimes de corrupção, extorsão e uso de informação privilegiada”, informa a “AFP“.

Também foram revogados seus direitos políticos, e seus bens, confiscados. O condenado disse que não vai recorrer da decisão.

Ma Jian aproveitou suas funções como ministro adjunto para beneficiar empresas controladas pelo magnata foragido Guo Wengui. Em troca, aceitou mais de 109 milhões de iuanes (cerca de 14 milhões de euros) em bens.

Curta, siga e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on google
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email
SIGA A RENOVA NO TWITTER

Deixe seu comentário...

Veja também...