- PUBLICIDADE -

China critica EUA por formalizar saída da OMS

Guerra comercial entre EUA e China pode afetar Brasil, diz Mourão

- PUBLICIDADE -

Trump acusa a OMS de agir como uma marionete da China durante a pandemia.

A China criticou, nesta quarta-feira (8), a planejada saída dos Estados Unidos da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Pequim afirmou que a medida terá implicações graves para nações em desenvolvimento.

Em uma coletiva de imprensa, o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Zhao Lijian, fez um apelo à comunidade internacional para ampliar o apoio à OMS, destaca a agência Reuters.

A Organização das Nações Unidas (ONU) afirmou, nesta terça-feira (7), que os EUA deixarão a OMS em 6 de julho de 2021.

A entidade recebeu uma notificação da decisão da Casa Branca.

O presidente norte-americano, Donald Trump, acusa a OMS de agir como uma marionete da China durante a pandemia de coronavírus.

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -