- PUBLICIDADE -

China critica investigação dos EUA sobre origem da pandemia

China assume comando do consulado dos EUA em Chengdu
- PUBLICIDADE -

"Os motivos e propósitos do governo Biden são claros”, diz a China.

O regime comunista da China criticou, nesta quinta-feira (27), a “história sombria” dos serviços de inteligência dos Estados Unidos.

A declaração foi feita por Pequim após o presidente norte-americano Joe Biden ordenar uma investigação sobre as origens da pandemia de coronavírus.

Na quarta-feira (26), Biden ordenou que as agências de inteligência dos EUA informem em um prazo de 90 dias se a Covid-19 surgiu na China de uma fonte animal ou por um acidente de laboratório.

A teoria do vazamento de um laboratório voltou a ganhar força nas últimas semanas, como vem noticiando a RenovaMídia.

O regime comunista rejeita a teoria de que o vírus pode ter surgido em um laboratório de virologia em Wuhan e acusa Washington de vender “conspirações” e politizar a pandemia.

Zhao Lijian, porta-voz do ministério chinês das Relações Exteriores, rejeitou a necessidade de uma nova investigação sobre a pandemia:

“Os motivos e propósitos do governo Biden são claros. O mundo conhece há muito tempo a história sombria dos serviços de inteligência americanos.”

Lijian disse que voltar à teoria do vazamento de um laboratório “é uma falta de respeito à ciência (…) e também um obstáculo na luta mundial contra a pandemia“.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -