- PUBLICIDADE -

China e Irã aproveitam ações de anarquistas para atingir EUA

China e Irã aproveitam ações de anarquistas para atingir EUA
- PUBLICIDADE -

“Ao povo americano: o mundo ouviu o grito de vocês sobre o estado de opressão”, diz o regime iraniano.

Os regimes da China e do Irã aproveitaram os distúrbios que assolam os Estados Unidos há seis dias para alfinetar o governo do presidente Donald Trump.

Em conversa¹ com a imprensa, nesta segunda-feira (1), o porta-voz do ministério chinês das Relações Exteriores, Zhao Lijian, disse o racismo é uma “doença crônica” nos EUA:

Zhao disse que os distúrbios em várias cidades norte-americanas são o sinal da “gravidade do problema do racismo e da violência policial nos Estados Unidos”.

O regime islâmico do Irã também aproveitou a situação para criticar² a reação do governo Trump no caso do assassinato de George Floyd:

O porta-voz do ministério iraniano das Relações Exteriores, Abas Musavi, declarou:

“Ao povo americano: o mundo ouviu o grito de vocês sobre o estado de opressão. O mundo está ao lado de vocês.”

Musavi acrescentou³:

“E aos funcionários do governo e à polícia americana: parem a violência contra seu próprio povo e deixem que respire. Lamentamos profundamente ver o povo americano, que busca de maneira pacífica respeito e não mais violência, reprimido indiscriminadamente e encontrar com a violência máxima.”

Referências: [1][2][3]
PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -