- PUBLICIDADE -

China é nomeada para painel do Conselho de Direitos Humanos da ONU

China e nomeada para painel do Conselho de Direitos Humanos da ONU
Imagem: Denis Balibouse/Reuters
- PUBLICIDADE -

“Absurdo e imoral”, diz diretor de ONG sobre a indicação da China ao painel da ONU.

A China foi nomeada, na última quarta-feira (1º), para o painel do Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas. 

O regime comunista participará ativamente da escolha dos investigadores de direitos humanos internacionais, incluindo a seleção de monitores globais sobre a liberdade de expressão, saúde, desaparecimentos forçados e detenção arbitrária.

Hillel Neuer, diretor da ONG UN Watch, criticou a nomeação da China:

“Permitir que o regime opressivo e desumano da China escolha os investigadores mundiais sobre liberdade de expressão, detenção arbitrária e desaparecimentos forçados é como transformar um piromaníaco no chefe dos bombeiros da cidade.”

Neuer acrescentou:

“É absurdo e imoral que a ONU permita ao governo opressivo da China um papel fundamental na seleção de funcionários que moldam os padrões internacionais de direitos humanos e relatam violações em todo o mundo.”

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -