Português   English   Español

China e Rússia desmentem grampear celular de Trump

China e Rússia desmentem grampear celular de Trump

Pequim e Moscou negaram nesta quinta-feira (25) um artigo no New York Times em que o jornal afirmou que os serviços de espionagem chineses e russos ouviam as comunicações por celular do presidente americano Donald Trump.

A China inclusive sugeriu que, se os americanos tiverem dúvida, o Donald Trump poderia usar para maior segurança um celular de fabricação chinesa.

O New York Times, que cita fontes oficias anônimas, afirma que os serviços secretos chineses e russos ouvem as comunicações de Trump que utiliza um iPhone da Apple e com base nisso ajustam sua política em relação aos Estados Unidos.

A porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Hua Chunying, satirizou essa informação, estimando que “alguns não recuam ante nada para obter o Oscar de melhor roteiro”.

Como Trump costuma acusar o jornal, a porta-voz estimou que o artigo constitui “uma nova prova de fake news”.

 

Adaptado da fonte AFP

Deixe seu comentário

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter