- PUBLICIDADE -

China e Rússia vão aguardar resultados oficiais nos EUA

China critica EUA por abandonar tratado nuclear com a Rússia
- PUBLICIDADE -

O presidente Donald Trump contesta o resultado da eleição e aponta para fraudes.

 Os mandatários da Rússia, Vladimir Putin, e da China, Xi Jinping, informaram, nesta segunda-feira (9), que aguardarão os “resultados oficiais” das eleições nos Estados Unidos para parabenizar o democrata Joe Biden.

Biden foi projetado como vencedor na corrida à Casa Branca pela maioria dos veículos de imprensa do país.   

O presidente Donald Trump, por outro lado, contesta o resultado da eleição e aponta para fraudes.

Em coletiva de imprensa, o porta-voz do Kremlin, Dimitri Peskov, afirmou:

“Antecipando uma possível pergunta de vocês sobre as felicitações do presidente Putin ao presidente eleito dos Estados Unidos, quero dizer o seguinte: acreditamos ser correto aguardar os resultados oficiais das eleições.”

A mesma linha foi adotada pelo regime comunista em Pequim.

Um dos porta-vozes do Ministério das Relações Exteriores, Wang Wenbin, afirmou que a China acompanhou que “Joe Biden declarou sua vitória eleitoral”, mas que “o nosso entendimento é que o resultado das eleições será determinado em conformidade com as leis e os procedimentos estadunidenses”.   

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -