- PUBLICIDADE -

China enfrenta dificuldades para conter a peste suína

China enfrenta dificuldades para conter a peste suína

- PUBLICIDADE -

China registrou mais de 120 surtos da doença em todas as suas províncias e regiões continentais, bem como na ilha de Hainan e em Hong Kong.

O regime comunista da China admitiu, nesta quarta-feira (3), que está enfrentando dificuldades em alguns aspectos da prevenção da peste suína africana, e que a situação continua complicada e grave.

O surto da doença, que começou em agosto de 2018, já dizimou cerca de 22% do rebanho de porcos do país asiático, maior exportador e consumidor de suínos.

Segundo a revista Veja, o Conselho de Estado da China afirmou:

“A administração do transporte de suínos vivos não é suficientemente rigorosa, enquanto não há capacidade suficiente para testar o vírus da peste suína africana nos procedimentos de abate, processamento e circulação de suínos.”

Os comentários da principal autoridade administrativa da China destacam os graves desafios que Pequim enfrenta quando o surto altamente contagioso e mortal assola o maior rebanho de suínos do mundo.

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -