Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

China estipula cremação obrigatória de vítimas do coronavírus

China estipula cremação obrigatória de vítimas do coronavírus
COMPARTILHE

Restos mortais não podem ser transportados entre diferentes regiões e não serão preservados por sepultamento.

As vítimas fatais do surto de coronavírus na China não podem ser enterradas onde seus parentes desejam nem mesmo terão direito a um funeral. 

O regime comunista emitiu, neste domingo (2), um protocolo rigoroso para o tratamento de cadáveres, como parte de seus esforços para controlar o surto.

Os restos mortais dos infectados terão de ser cremados em uma funerária designada e perto do local onde se encontram.

As tradições fúnebres, como cerimônia de despedida, foram devidamente proibidas pelas autoridades chinesas. 

Os corpos das vítimas precisam ser desinfetados e colocados em um saco selado por trabalhadores médicos e não podem ser abertos após a vedação. 

As funerárias devem enviar pessoal e veículos especiais para entregar os corpos de acordo com a rota designada, e esses devem ser cremados em crematórios designados.

Todas estas informações estão contidas em protocolo emitido pela Comissão Nacional de Saúde, pelo Ministério dos Assuntos Civis e pelo Ministério da Segurança Pública, informa o portal Terra.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários

PUBLICIDADE