PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

China garante que não há vazamento em usina nuclear

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Pequim desmente notícia e fala em “bom histórico de operação” de central nuclear.

PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

A China informou, nesta terça-feira (15), que os níveis de radiação em torno da usina nuclear de Taishan, na província de Guangdong, estão normais. 

Em entrevista coletiva, Zhao Lijian, porta-voz do Ministério das Relações Exteriores do Partido Comunista Chinês (PCCh), anunciou que a usina cumpria com todos os requisitos e que não há sinais de anormalidades na vizinhança:

“Até agora, as usinas nucleares da China têm mantido um bom histórico de operação, sem incidentes afetando o meio ambiente e a saúde pública.”

Com base em uma carta enviada ao Departamento de Energia dos Estados Unidos, a emissora CNN revelou, na última segunda-feira (14), um possível “vazamento” na central chinesa.

O documento, que foi enviado pela Framatome, subsidiária da EDF, solicita autorização de assistência técnica para resolver “uma ameaça radiológica iminente”.

As revelações causaram preocupação em Tatsujiro Suzuki, ex-vice-presidente da Comissão de Energia Atômica do Japão, que pediu que uma investigação profunda sobre o caso:

“Uma vez que o gás radioativo está vazando para o meio ambiente, é um problema sério. Pode piorar. Acho que pode haver problemas com o combustível. É incomum.”

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Encontrou um erro?

Para comunicar um erro de português, de informação ou técnico, preencha o formulário abaixo.