Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Chineses com “pontuação social” fraca serão proibidos de viajar

COMPARTILHE

Os cidadãos da China que tiverem uma pontuação baixa no ranking de crédito social que o país planeja implementar a partir de maio ficarão impedidos de comprar passagens de avião e de trem durante um período que poderá ir até um ano.

No início do ano, ficamos sabendo que o regime comunista de Xi Jinping está preparando a implementação de um sistema de crédito social, que atribui pontos aos cidadãos chineses com base na quantidade de dinheiro acumulado, no registro criminal, no comportamento utilizado nas redes sociais e em outros dados recolhidos pelo governo através da internet.

Com base nesta pontuação, os cidadãos serão organizados em um ranking social. Este sistema será fator determinante para entrevistas de emprego, requisição de empréstimo bancário e acesso aos meios de transporte, principalmente os de longa distância.

A população poderá consultar a sua pontuação através de uma aplicativo para celular. Segundo explica o site The Verge, a China tem trabalhado no desenvolvimento do sistema com para que esteja completamente pronto para funcionamento em 2020 — mas a partir do próximo mês de maio já estará online com várias funcionalidades ativas.

Atualmente, o regime chinês já impõe restrições contra aqueles cidadãos que integram a chamada “lista negra” dos endividados, incluindo a proibição de viajar longas distâncias. Esta restrição vai começar a levar em conta também a pontuação social do novo ranking.

De acordo com a agência Reuters, há uma série de outros fatores a pesar neste ranking e que podem reduzir a pontuação social, como por exemplo: espalhar informações falsas sobre terrorismo, causar problemas em voos, usar passagens fora de validade em trens, fumar dentro dos transportes, e outras regras estipuladas pelo regime.

 

Com informações de: [Observador]

RENOVA Mídia precisa do seu apoio para continuar em funcionamento. Conheça nossa história e faça sua doação (boletou ou cartão) através da plataforma ApoiaSe. Clique AQUI e faça sua parte.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários

PUBLICIDADE