Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

China proibirá peregrinação individual a Meca

China proibirá peregrinação individual a Meca
COMPARTILHE

Além de enviar muçulmanos para campos de “reeducação”, a China também proíbe peregrinações.

A partir de dezembro de 2020, o regime comunista da China proibirá peregrinações individuais a Meca, cidade sagrada do Islamismo.

Em 2021, todas as atividades relacionadas esta peregrinação passam a ser organizadas pela Associação Islâmica da China, um órgão estatal.

Quem quiser cumprir a peregrinação deve ser “patriota e cumprir a lei, com boa conduta” e “não ter participado anteriormente”

As regras estão contidas em novo regulamento publicado este mês pela Autoridade Estatal para Assuntos Religiosos da China.

Os candidatos devem registrar-se num portal e ficam sujeitos a seleção. As vagas, oferecidas anualmente, serão limitadas.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE