- PUBLICIDADE -

China pune empresas dos EUA por venda de armas a Taiwan

China assume comando do consulado dos EUA em Chengdu

Pequim anuncia sanções contra empresas norte-americanas por vendas de armas a Taiwan.

- PUBLICIDADE -

O regime comunista da China aplicou, nesta segunda-feira (26), sanções contra empresas, pessoas e instituições dos Estados Unidos.

Pequim puniu os alvos por causa da venda bilionária de armas a Taiwan, uma ilha considerada pelos chineses como parte de seu território.

Em conversa com a imprensa, o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores chinês, Zhao Lijian, afirmou que entre as empresas sancionadas estão a Lockheed Martin, a Boeing Defense e a Raytheon.

Na semana passada, como noticiou a RenovaMídia, o governo Donald Trump anunciou a venda a Taiwan de 135 mísseis de defesa com capacidade de alcançar a China.

Washington também vendeu a Taiwan lança-foguetes táticos por US$ 436 milhões e equipamentos de imagem para o reconhecimento aéreo por US$ 367 milhões.

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -