Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

China usa imagem adulterada para atacar Exército da Austrália

Premiê da Austrália
COMPARTILHE

“Chocado com o assassinato de civis e prisioneiros afegãos por soldados australianos", diz chinês.

O regime comunista da China publicou no Twitter, no último domingo (29), uma imagem falsa de um soldado da Austrália degolando uma criança do Afeganistão

O conteúdo foi compartilhado pelo porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Lijian Zhao. Na legenda da foto, ele escreveu: 

“Chocado com o assassinato de civis e prisioneiros afegãos por soldados australianos. Condenamos veementemente tais atos e exigimos que sejam responsabilizados.” 

A provocação chinesa faz referência a um relatório publicado no início deste mês que aponta que as forças especiais da Austrália estavam envolvidas em dezenas de “assassinatos ilegais” de civis e prisioneiros afegãos. 

Lideranças políticas e jornais da Austrália foram rápidos em apontar que a imagem era adulterada e exigiram que Lijian a removesse imediatamente. 

Os australianos também exigiram que a rede social Twitter tomasse medidas em relação à conta da autoridade chinesa.  

Até o momento de produção desta matéria, o controverso tuíte já havia sido compartilhado mais de 10 mil vezes. Confira. 

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
3 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários
alexandre
alexandre
1 mês atrás

13/12/2020
o tweet ainda está no ar.

J4S0N7
J4S0N7
1 mês atrás

Cães, malditos cães de Pequim

Aparecido
Aparecido
1 mês atrás

Com o massacre dos Uigures, perseguição aos católicos, opressão e invasão do Tibé, de Hong Kong e Taiwuan, a mão de obra escrava do próprio povo, nada disso CHOCA o PCChinês.
Porque será?

PUBLICIDADE