Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

China usou redes sociais para espalhar pânico nos EUA

China vai implementar registro facial para acesso à internet
COMPARTILHE

Agências de inteligência dos EUA estão estudando a participação da China em campanhas de desinformação no país.

Em meados de março, durante o início da pandemia de coronavírus nos Estados Unidos, mensagens alarmantes apareceram nas telas de celulares e nos feeds das redes sociais de milhões de cidadãos norte-americanos. 

As mensagens diziam: “Espalhem a notícia. O governo Trump está prestes a bloquear todo o país”.

Citando uma suposta fonte no Departamento de Segurança Interna dos EUA, uma das mensagens alertava:

“Eles farão o anúncio assim que tiverem tropas para ajudar a evitar saqueadores e manifestantes. Ele disse que recebeu a ligação ontem à noite e lhe disseram para fazer as malas e estar preparado para a ligação hoje com suas ordens de expedição.”

As mensagens se tornaram tão virais ao longo de 48 horas que a Casa Branca emitiu um anúncio via Twitter informando que as mensagens eram “FALSAS”.

As agências de inteligência dos Estados Unidos avaliaram que agentes da China ajudaram a divulgar as mensagens falsas através das plataformas digitais, informa o jornal New York Times

Oficiais de inteligência dos EUA também estão examinando se espiões nas missões diplomáticas da China ajudaram a espalhar as falsas mensagens de “lockdown”.

As técnicas de amplificação de conteúdo utilizada pelos chineses alarmaram as autoridades norte-americanas, porque a desinformação apareceu como texto nos celulares de muitos cidadãos dos EUA, uma tática nova que as autoridades disseram nunca ter visto antes.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários