- PUBLICIDADE -

Cidadãos de Hong Kong apagam publicações com medo da China

China censura brincos, tatuagens e decotes

- PUBLICIDADE -

Ao contrário da China continental, Hong Kong tem acesso irrestrito à internet.

Moradores de Hong Kong estão revisando suas postagens antigas em redes sociais sobre os protestos pró-democracia, e excluindo aquelas que eles consideram arriscadas.

A movimentação acontece após o Partido Comunista Chinês (PCC) aprovar uma rigorosa Lei de Segurança Nacional, preparando o cenário para as mudanças mais radicais na história da ex-colônia britânica.

Como a abrangente legislação coloca Hong Kong sob maior controle da China, os cidadãos estão com medo de serem presos pelo regime por publicações antigas nas plataformas digitais, destaca o portal Terra.

Hong Kong tem acesso irrestrito à internet, ao contrário da China continental, onde sites como Google, Twitter e Facebook são bloqueados.

Nesta segunda-feira (6), o WhatsApp, que é de propriedade do Facebook, informou que interrompeu o processamento de solicitações de autoridades de segurança por dados de usuários em Hong Kong.

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -