- PUBLICIDADE -

Cientistas colocam e retiram memórias falsas em humanos

Cientistas colocam e retiram memórias falsas em humanos
- PUBLICIDADE -

Pesquisadores evidenciam que memórias podem ser revertidas.

Uma equipe de pesquisadores de neurologia conseguiu colocar e depois remover memórias falsas em diferentes pessoas.

A pesquisa foi realizada nos Estados Unidos por Justin Anker, da Faculdade de Medicina da Universidade de Minnesota, e Patrick Krill, da empresa Krill Strategies LLC

Publicado na revista Proceedings of the National Academy of Sciences, este é o primeiro estudo em que cientistas evidenciam que memórias podem ser revertidas.

O principal objetivo do experimento é demonstrar como é possível fazer com que a mente de alguém se lembre de algo que, na verdade, nunca aconteceu.

A líder do estudo, Aileen Oeberst, comentou:

“Da mesma forma que você pode sugerir falsas memórias, você pode invertê-las, dando às pessoas um enquadramento diferente.”

Já o pesquisador de memória da Universidade de Nottingham, no Reino Unido, Christopher Madan, comentou:

“À medida que o campo da pesquisa da memória se desenvolveu, ficou muito claro que nossas memórias não são ‘gravações’ do passado que podem ser reproduzidas.”

Madan, que não participou do estudo, descreveu as memórias como “reconstruções, mais próximas de imaginações informadas por sementes de experiências verdadeiras”. 

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -