Português   English   Español
Português   English   Español

Cientistas da China tentam criam células sanguíneas resistentes ao HIV

Cientistas da China tentam criam células sanguíneas resistentes ao HIV

Um experimento similar contra o vírus já tinha sido feito antes com animais.

Cientistas da China usaram uma técnica de edição de genes conhecida como CRISPR para tentar bloquear o vírus HIV, fabricando células sanguíneas resistentes à doença.

Apesar de já ter sido testado com animais, desta vez os cientistas modificaram o método e garantem que ele foi seguro em um teste clínico com um ser humano.

Os pesquisadores chineses modificaram células-tronco sanguíneas e células progenitoras provenientes de um doador — ambas são capazes de se diferenciar em diferentes tipos de tecido no organismo.

Depois, as células foram transplantadas em um paciente de 27 anos de idade que tinha leucemia e e era portador do vírus HIV.

Meses depois o paciente parou de tomar seu coquetel de medicamentos contra o HIV para descobrir se havia sido curado. Entretanto, a carga de vírus no organismo voltou a subir.

Mesmo que a técnica CRISPR não tenha sido completamente eficaz para alcançar uma cura, o experimento é uma grande conquista para os cientistas pois o voluntário não apresentou nenhum efeito colateral ao transplante.

Os pesquisadores chineses agora pretendem ter resultados superiores para chegar a um tratamento definitivo para o HIV.

Compartilhe_

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Comentários_

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Outras Notícias_

Newsletter

Inscreva seu email na RENOVA para receber atualizações diárias com as últimas notícias do Brasil e do mundo.

Nome:

Email: