- PUBLICIDADE -

Cientistas da Rússia usam impressora 3D para produzir ímãs

Cientistas da Rússia usam impressora 3D para produzir ímãs

Hoje em dia quase tudo pode ser produzido em uma impressora 3D -- até mesmo ímãs.

- PUBLICIDADE -

Uma equipe de cientistas da Universidade de Ural, na Rússia, conseguiu fabricar ímãs utilizando uma impressora 3D.

Os sistemas magnéticos produzidos em 3D podem ser utilizados em praticamente todos os campos, até mesmo na medicina — como em implantes em braços robóticos cirúrgicos.

O professor Aleksey Volegov, membro da equipe responsável pelo projeto, declarou:

“Serão ímãs baseados em compostos de samário e cobalto. Eles podem ser usados ​​em submarinos, em estações espaciais ou navios. Ou seja, naquelas áreas onde há mudanças de temperatura muito fortes e precisamos de ímãs com propriedades especiais em termos de estabilidade.”

Para conseguir imprimir imãs cada vez menores e eficientes, os cientistas russos fazem uso de um metal em pó e de um modelo de impressora da Alemanha, que possui um painel de configurações totalmente customizável.

As amostras produzidas pelos cientistas da Rússia ainda precisam ser magnetizadas após a impressão em 3D.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -