Cientistas descobrem estrela de nêutrons mais densa já registrada

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Enquanto buscavam ondas gravitacionais emitidas por pulsares, cientistas dos EUA descobriram estrela de nêutrons ultra-densa.

Uma equipe de pesquisadores da West Virginia University, nos Estados Unidos, descobriu a estrela de nêutrons mais massiva já encontrada até o momento.

Localizada a 4.600 anos-luz do planeta Terra, a estrela possui cerca de 2,17 vezes a massa do Sol, condensada em uma esfera de 24 km de diâmetro.

A descoberta foi publicada na segunda-feira, 16 de setembro, na revista acadêmica Nature Astronomy.

Em uma publicação no site Phys sobre a recente descoberta, a Universidade escreveu:

“Para visualizar a massa da estrela de nêutrons descoberta, imagine que uma porção do material desta estrela do tamanho de um cubo de açúcar pesaria 100 milhões de toneladas aqui na Terra, ou aproximadamente o mesmo que toda a população somada.”

Batizada de J0740 + 6620, a estrela foi detectada através do telescópio Green Bank, que fica no condado de Pocahontas, no Estado da Virgínia Ocidental.

A realização é considerada importante e inovadora, mas os astrônomos revelaram que não estavam procurando uma estrela de nêutrons ultra-densa: na verdade, estavam em busca de ondas gravitacionais emitidas por pulsares, informa o site Olhar Digital.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.