Português   English   Español
Português   English   Español

Cientistas reativam células de cérebros de porcos mortos

Cientistas reativam células de cérebros de porcos mortos
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Uma nova pesquisa confirma quão pouco conhecemos sobre cérebros lesionados e a chamada morte cerebral.

Em um estudo que levanta grandes questões sobre a tênue linha entre a vida e a morte, pesquisadores restauraram parte da atividade celular de cérebros removidos de porcos abatidos.

O trabalho é considerado muito preliminar e não tem implicações imediatas no tratamento de lesões cerebrais em humanos, informa o Estado de Minas.

Mas a ideia de que partes do cérebro podem ser recuperadas após a morte, como convencionalmente definida, contradiz tudo que a ciência médica acredita sobre o órgão e apresenta enigmas metafísicos.

Nita A. Farahany, especialista em Bioética e professora de Direito na Universidade de Duke, declarou:

“Nós tínhamos definições claras entre ‘isso está vivo’ e ‘isso está morto’. Como encaramos essa nova categoria de ‘parcialmente vivo’? Não pensávamos que poderia existir.”

Compartilhe...

Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram
Share on reddit
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...

Curta a RENOVA!