Ciro condenado a indenizar Holiday por comentário racista

Idiomas:

Português   English   Español
Ciro condenado a indenizar Holiday por comentário racista
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

O ex-governador do Ceará chamou o líder do MBL de “capitãozinho do mato” durante entrevista em rádio.

Ciro Gomes (PDT) foi condenado a pagar R$ 38 mil de indenização por danos morais ao vereador paulistano Fernando Holiday (DEM) por tê-lo chamado de “capitãozinho do mato”.

O Tribunal de Justiça de São Paulo julgou procedente a ação movida por Holiday, que é um dos líderes do Movimento Brasil Livre (MBL). O vereador costuma ser muito atacado por ser um crítico do movimento negro e das cotas sociais.

Em entrevista à rádio Jovem Pan em junho de 2018, o ex-governador do Ceará exemplificou um destes casos:

“Imagina, esse Fernando Holiday aqui. O capitãozinho do mato, porque é a pior coisa que tem é um negro que é usado pelo preconceito para estigmatizar, que era o capitão do mato do passado.”

Após tomar conhecimento da sentença assinada pelo juíz Domício W. Pacheco e Silva, segundo a Folha, Holiday afirmou:

“Espero que isso sirva de aviso a outros líderes de esquerda que se acham no direito de ser racista contra seus adversários políticos.”

Newsletter RENOVA

Receba diariamente as principais notícias do Brasil e do Mundo.

Curta e compartilhe esta notícia

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on google
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário

Veja outras notícias em destaque