Português   English   Español

Ciro e Boulos trocam farpas sobre eficiência do #EleNão

Ciro e Boulos trocam farpas sobre eficiência do #EleNão

Ciro Gomes reclamou que manifestações do #EleNão colocaram Bolsonaro ainda mais em evidência; Guilherme Boulos diz que o candidato do PDT muda de opinião por conta de pesquisa eleitoral.

O candidato do PDT à Presidência da República, Ciro Gomes , considerou um “erro” os protestos contra o candidato Jair Bolsonaro (PSL) sob a bandeira do movimento feminista “Ele Não”.

Durante ato de sua campanha em São Caetano do Sul, no ABC Paulista, o pedetista classificou as manifestações contra Bolsonaro como “grande equívoco” pois esses atos trazem o candidato do PSL para evidência.

Ciro Gomes declarou:

O Bolsonaro virou uma menção de tudo o que está acontecendo. E é um erro. Por exemplo, quando as pessoas vão em massa às ruas… Ao invés de afirmar um ‘sim’ para um projeto, para uma alternativa, todo mundo foi falar ‘ele não’. Ou seja: todo mundo estava dizendo que o Bolsonaro virou uma referência para o debate nacional. Eu estou tentando mostrar que esse é um grosseiro equívoco e que está convidando o País para bailar na beira do abismo. Porque essa confrontação odienta anti-PT, [anti] Bolsonaro, vai precipitar o Brasil num precipício muito grave.

As declarações de Ciro a respeito das manifestações contra Bolsonaro incomodaram o candidato Guilherme Boulos (PSOL). O líder da extrema-esquerda usou suas redes sociais para rebater o pedetista.

Adaptado da fonte IG

Deixe seu comentário

Veja também...