Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Como vai funcionar o Cadastro Positivo?

Como vai funcionar o Cadastro Positivo?
COMPARTILHE

A nova legislação torna automática a adesão de consumidores e empresas ao banco de dados que já existe desde 2011, mas cuja participação dos clientes era voluntária.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, sancionou nesta segunda-feira (8), em cerimônia no Palácio do Planalto, em Brasília, a nova Lei do Cadastro Positivo.

Abaixo você pode conferir algumas perguntas e respostas sobre as mudanças no Cadastro Positivo:

O que é o Cadastro Positivo?

É um banco de dados que reúne informações de consumidores com um bom histórico de pagamentos. É uma espécie de “currículo financeiro” do bom pagador.

Existe desde 2011 e tem 11 milhões de nomes. Hoje, só quem pede para participar é incluído. Ele é “positivo” em relação aos bancos de “nomes sujos”.

Qual a utilidade?

O cadastro positivo serve como referência para varejistas e credores (bancos ou financeiras) identificarem quem são os bons pagadores que buscam crédito.

De posse dessas informações, o objetivo é que eles consigam separar quem atrasa as contas de quem paga os boletos em dia e, assim, decidir para quem vão emprestar dinheiro.

O que muda após Bolsonaro aprovar o projeto?

A modificação faz com que os consumidores com bom histórico de dívidas sejam incluídos automaticamente, facilitando a vida de muitos brasileiros.

A participação no cadastro positivo agora é obrigatória?

Não. Quem não quiser fazer parte pode pedir para sair.

O consumidor pode solicitar a exclusão de forma gratuita a qualquer momento a um dos birôs de crédito através de seus canais de atendimento. A saída solicitada a um birô é comunicada por ele a todos os demais.

O que devo fazer se houver informação errada?

O consumidor pode abrir uma contestação pelos canais de atendimento dos birôs. Eles vão repassar o pedido para as fontes que incluíram a informação avaliarem. Pode solicitar a correção também diretamente aos credores.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários

PUBLICIDADE