- PUBLICIDADE -

Congresso cortou verba para o Censo 2021, diz Guedes

Paulo Guedes cancela reuniões com bancadas no Senado
- PUBLICIDADE -

“Não fomos nós que cortamos o Censo", diz Guedes.

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou, nesta quarta-feira (28), que o corte da verba para o Censo 2021 foi decidido pelo Congresso Nacional.

Guedes disse que os parlamentares tomaram a decisão para evitar que os recenseadores transmitissem o novo coronavírus:

“Não fomos nós que cortamos o Censo. Quando houve o corte no Congresso, a explicação que nos foi dada é de que o isolamento social impediria que as pessoas fossem de casa em casa transmitir o vírus. Porque é físico, os pesquisadores vão de casa em casa. Então, me pareceu que essa é uma explicação. Vou me informar a respeito.”

Guedes fez o comentário poucas horas depois de o ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), conceder liminar determinando a realização do Censo 2021.

Marco Aurélio disse que a Constituição determina a realização do recenseamento:

“Defiro a liminar, para determinar a adoção de medidas voltadas à realização do Censo, observados os parâmetros preconizados pelo IBGE [Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística], no âmbito da própria discricionariedade técnica.”

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -