Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Congresso propõe CPI alinhada ao inquérito do STF sobre fake news

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Congresso propõe CPI alinhada ao inquérito do STF sobre fake news

Parlamentares seguem reunindo assinaturas para criar uma Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) destinada a apurar ofensas nas redes sociais contra autoridades.

A comissão deverá seguir a mesma linha do inquérito aberto pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, para apurar ataques aos ministros da Corte.

Para surpresa de absolutamente ninguém, a criação da CPMI conta com o apoio de ministros do STF.

A avaliação é de que a comissão poderia arcar com o ônus de medidas que seriam desgastantes à Corte, como investigar a conduta de procuradores da República que usam o Twitter e o Facebook para criticar os magistrados.

A ementa de criação da CPMI é do deputado Alexandre Leite (DEM-SP), que confirmou ao jornal Estadão que a ideia da comissão partiu dos líderes da Câmara com a anuência do presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

De acordo com Leite, as críticas recentes a Maia e ao Supremo reforçam a necessidade de investigar o que ele classificou de “milícias virtuais”.

“As milícias virtuais foram utilizadas para atacar a honra do Judiciário, da Câmara dos Deputados e até do presidente Rodrigo Maia. Desde a eleição, estamos acompanhando esses grupos usando de fake news para disseminar ódio e desinformação”, afirmou Leite.

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email