PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Congresso quer proibir redes sociais de censurarem candidatos

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

“As plataformas também têm as motivações políticas e econômicas delas”, alerta deputada.

PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

A deputada federal Margarete Coelho (Progressistas-PI) apresentou ajustes na última versão do texto da Reforma Eleitoral, que reúne 900 artigos ao longo de 359 páginas.

O fato de Coelho ter mantido a blindagem contra a censura das gigantes tecnológicas ao perfil de candidatos durante o período eleitoral de 2022 chamou a atenção do jornalista Rafael Moraes Moura, da revista Veja.

Nós vamos te apresentar mais detalhes da matéria:

  • O texto proíbe expressamente que as plataformas digitais realizem o ‘“banimento, cancelamento, exclusão ou a suspensão” de contas de qualquer candidato durante a próxima campanha, independentemente daquilo que está sendo publicado.
  • Os conteúdos e postagens até podem ser censurados, mas as contas desses candidatos não poderiam mais ser tiradas do ar. 
  • O conteúdo pode ser moderado infinitamente, o que não podemos admitir é que a plataforma possa derrubar o perfil de um candidato durante os 45 dias de campanha. Até porque as plataformas também têm as motivações políticas e econômicas delas, os seus interesses também”, disse Margarete Coelho, em conversa com a Veja.
  • Ainda segundo a deputada, o objetivo do novo Código Eleitoral é impedir que as plataformas e a Justiça Eleitoral façam censura prévia a qualquer candidato. 
  • Em janeiro, em uma atitude bastante criticada, as redes sociais Twitter, Facebook e Instagram anunciaram a censura da conta do ex-presidente Donald Trump, dos Estados Unidos.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.