Português   English   Español

Ativista conservadora Lauren Southern impedida de entrar na Inglaterra

O governo britânico proibiu a ativista e jornalista canadense Lauren Southern de entrar no país.

Lauren Southern estava viajando em um ônibus para a Grã-Bretanha na noite de domingo (11), quando foi detida pela polícia da fronteira, que recolheu seu passaporte e a conduziu para interrogatório, de acordo com informações do repórter da Breitbart London Chris Tomlinson.

Ela foi liberada da detenção por autoridades britânicas em Calais, cidade portuária da França, na manhã desta segunda-feira (12).

Southern tranquilizou seus seguidores no Twitter dizendo que estava “indo bem“, mas que havia sido “oficialmente proibida de entrar no Reino Unido por racismo“.

Nas redes sociais, usuários questionaram se impedir a entrada de conservadores se tornou uma política oficial do Reino Unido. Além de Lauren Southern, o governo britânico tem impedido a entrada d uma série de ativistas de direita na Grã-Bretanha, incluindo Geert Wilders, que lidera o segundo maior partido político da Holanda e o famoso radialista norte-americano Michael Savage.

 

Com informações de: [Breitbart]

Deixe seu comentário

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter