- PUBLICIDADE -

Coreia do Sul faz disparos de alerta contra avião militar da Rússia

Coreia do Sul faz disparos de alerta contra avião militar da Rússia
- PUBLICIDADE -

O Ministério da Defesa Nacional da Coreia do Sul disse que esta é a primeira vez que uma nação estrangeira violou o espaço aéreo do país.

Jatos da Coreia do Sul dispararam 360 tiros de advertência contra um avião militar de vigilância da Rússia.

Segundo as autoridades sul-coreanas, a aeronave invadiu, por duas vezes, seu espaço aéreo na manhã desta terça-feira (23).

O incidente ocorreu na costa leste do país, sobre as ilhas Dokdo/Takeshima — ocupadas por Seul, mas também reclamadas pelo Japão.

A incursão ocorreu durante um exercício militar conjunto entre a Rússia e a China. Dois bombardeiros chineses H-6 entraram na zona de identificação aérea de Seul poucas horas antes, junto com outros dois aviões militares russos, informa o jornal Gazeta do Povo.

A Rússia negou as acusações e ofereceu sua própria versão. Disse que dois de seus bombardeiros realizaram uma simulação de “águas neutras” e negaram que disparos de alerta tenham sido disparados por jatos sul-coreanos.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -