Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Coronavírus: China injetará US$ 175 bilhões para estimular economia

Coronavírus: China injetará US$ 175 bilhões para estimular economia
COMPARTILHE

Nesta segunda-feira (3), as bolsas de Xangai e Shenzhen, fechadas há 10 dias, retomarão as sessões.

A China anunciou, neste domingo (2), uma injeção de cerca de US$ 175 bilhões — 1,2 trilhão de yuanes — para apoiar a economia do país, que sofre com um surto de coronavírus que já deixou mais de 360 mortos.

A operação acontece nesta segunda-feira (3), quando os mercados financeiros reabrem após as férias de Ano Novo, que foram prorrogadas em consequência do vírus.

Em um comunicado, o Banco Central da China informou que a operação servirá para manter “uma liquidez razoável e abundante” para o sistema bancário, assim como para estabilizar o mercado de câmbio, informa a agência France-Presse.

O banco estatal chinês já havia anunciado várias medidas para facilitar o crédito às empresas que contribuem para lutar contra o surto de coronavírus.

Logo no início da manhã desta segunda, as bolsas chinesas caíam drasticamente.

A bolsa de Xangai abriu em queda de 8,7% nesta segunda-feira (3). Já a bolsa de Shenzhen também reabriu em queda de 9%, como noticiou a RENOVA.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários

PUBLICIDADE