Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

Coronavírus pode ter surgido em Wuhan em agosto, diz Harvard

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Coronavírus pode ter surgido em Wuhan em agosto, diz Harvard
COMPARTILHE

Como era de se esperar, a China refutou o relatório de Harvard, que classificou como “ridículo”.

O coronavírus pode ter começado a se espalhar na China ainda em agosto do ano passado.

A informação foi publicada por uma pesquisa da Escola de Medicina de Harvard, nos Estados Unidos.

Os pesquisadores tomaram como base imagens de satélite de padrões de visitas a hospitais e dados de sites de busca.

Como era de se esperar, o Partido Comunista Chinês (PCC) refutou o relatório, que classificou como “ridículo”.

A pesquisa¹ usou imagens de satélite de estacionamentos de hospitais na cidade de Wuhan — onde a doença foi identificada no final de 2019 — e dados de pesquisas de sintomas relacionados, como “tosse” e “diarreia”, em sites de busca.

De acordo com o estudo:

“O tráfego acentuado nos hospitais e os dados de pesquisas de sintomas em Wuhan antecederam o início documentado da pandemia de Sars-CoV-2 em dezembro de 2019.”

E acrescentou:

“Embora não possamos confirmar se o volume maior se relacionou diretamente com o novo vírus, nossos indícios apoiam outros trabalhos recentes que mostram que a emergência aconteceu antes da identificação no mercado de frutos do mar de Huanan (em Wuhan)”.

No fim de abril, Donald Trump, presidente dos Estados Unidos, alegou ter acessado provas² que vinculam o Instituto de Virologia de Wuhan à pandemia.

No entanto, até o momento, o governo norte-americano não apresentou estas evidências, apesar do atrito entre as duas nações ter aumento consideravelmente desde então.

Referências: [1][2]
- PUBLICIDADE -
Error: Embedded data could not be displayed.
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM
Error: Embedded data could not be displayed.