- PUBLICIDADE -

Corregedoria apura omissão de Flávio em escritura de mansão

Flávio Bolsonaro sai em defesa da prisão em 2ª instância
Imagem: Waldemir Barreto/Agência Senado

Corregedoria vai apurar omissão de dados de Flávio Bolsonaro em escritura de casa de R$ 6 milhões.

- PUBLICIDADE -

A Corregedoria do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) vai analisar a omissão de dados do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) e de sua mulher, a dentista Fernanda Antunes Bolsonaro, na escritura pública de uma casa de R$ 6 milhões, em Brasília

De acordo com informações do jornal Estadão, o cartório do 4.º Ofício de Notas de Brazlândia teria escondido as informações. 

O argumento do tabelião Allan Guerra Nunes, titular do cartório e também presidente da Associação de Notários e Registradores do Distrito Federal (Anoreg-DF), é que deve haver sigilo sobre dados bancários e fiscais.

Em conversa com o jornal, nesta segunda-feira (8), a entidade destacou:

“A Corregedoria da Justiça do TJDFT informa que conhecimento do fato, via meios de comunicação, e irá analisar o caso a fim de adotar como medidas, porventura, cabíveis.”

Para comprar o imóvel, o filho do presidente da República, Jair Bolsonaro, financiou R$ 3,1 milhões no Banco de Brasília (BRB) , com parcelas mensais de R$ 18,7 mil

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -