Português   English   Español
Português   English   Español

CPI Lava Toga arquivada por falta de assinaturas

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
CPI Lava Toga arquivada por falta de assinaturas

Alcolumbre confirmou o arquivamento da CPI que ficou conhecida como Lava Toga. As assinaturas não foram suficientes para prosseguimento da comissão.

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), confirmou nesta segunda-feira (11) que arquivou o pedido de abertura Comissão Parlamentar de inquérito (CPI) da “Lava Toga”, como foi apelidada. O motivo? Falta de assinaturas.

O requerimento era de autoria do senador Alessandro Vieira (PPS-SE) e tinha o objetivo de apurar o “ativismo judicial” em tribunais superiores, incluindo o Supremo Tribunal Federal (STF).

Como esperado, a comissão gerou um intenso mal estar no Judiciário. Ministros entenderam que a CPI seria uma tentativa dos senadores chamarem a atenção e dar eco a críticas das redes sociais à atuação do STF.

O arquivamento se deu porque dois senadores decidiram retirar o apoio que haviam dado para a criação do colegiado: Tasso Jereissati (PSDB-CE) e Kátia Abreu (PDT-TO). No entanto, o senador Eduardo Gomes (MDB-TO) também deve formalizar até o fim do dia a retirada de sua assinatura, informa o Estadão.

Integrantes do STF veem as digitais do ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, nas movimentações do senador Delegado Alessandro Vieira, conforme noticiou a RENOVA.

Compartilhe...

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

TELEGRAM

Acompanhe todas as notícias através do nosso canal no Telegram.

Newsletter

Inscreva seu email na RENOVA para receber atualizações diárias com as últimas notícias do Brasil e do mundo.

Nome:

Email:

Fique tranquilo(a), assim como você também odiamos spam, você poderá sair quando quiser :)

Comentários_

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Outras Notícias_

Pátria Educadora. Garanta sua vaga!