50 mil cristãos voltaram pra casa no Iraque após expulsão do Estado Islâmico

Idiomas:

Português   English   Español
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Apesar de milhares ainda permanecerem deslocados, cerca de 50 mil cristãos voltaram para suas casas nas Planícies de Nínive do Iraque agora que a região foi liberada do Estado Islâmico.

A maioria dos cristãos iraquianos, que foram expulsos de suas casas e procuraram abrigo em campos de refugiados no norte do país, ainda não retornaram porque esperam ajuda para reconstrução de suas casas destruídas pelos terroristas.

Ainda tem muito trabalho a ser feito para trazer de volta as milhares de famílias cristãs que um dia viveram no Iraque. Segundo estimativas, quase 2 milhões de cristãos viviam no país; este número caiu para 300 mil nos dias atuais.

Isto aconteceu, principalmente, por causa da destruição causada pelos anos de guerra contra os Estados Unidos e a passagem devastadora do Estado Islâmico no país. A cidade de Mosul, por exemplo, continua completamente sem vida, mesmo após expulsão dos terroristas.

Apesar de todo sofrimento e perseguição, os cristãos iraquianos desejam voltar pra casa. Enquanto isso, vemos a Europa sendo invadida por hordas de muçulmanos, que não pretendem retornar ao lar nem tão cedo, nem tampouco se adaptar a cultura do continente

 

Com informações de: (1)

Curta, siga e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on google
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email
SIGA A RENOVA NO TWITTER

Deixe seu comentário...

Veja também...