- PUBLICIDADE -

Cristofobia: Bolsonaro lembra alerta feito na ONU

Na ONU, Bolsonaro defende ‘combate à cristofobia’

“Igrejas foram incendiadas na capital do Chile por grupos de esquerda”, alerta Bolsonaro.

- PUBLICIDADE -

O presidente da República, Jair Bolsonaro, lembrou, nesta segunda-feira (19), sobre um trecho do seu discurso durante a abertura da Assembleia Geral das Nações Unidas (ONU) em 2020.

“Denunciei a existência da grande perseguição aos cristãos ao redor do mundo: a cristofobia”, afirmou Bolsonaro em mensagem no Twitter.

“Hoje, igrejas foram incendiadas na capital do Chile por grupos de esquerda”, acrescentou o chefe do Executivo.

Bolsonaro estava se referindo ao ataque de extremistas de esquerda contra igrejas católicas em Santiago, capital do Chile, como noticiou a RenovaMídia.

Em setembro, mais precisamente no dia 22, o mandatário brasileiro fez um apelo em defesa da religião cristã.

“Faço um apelo a toda a comunidade internacional pela liberdade religiosa e pelo combate à cristofobia”, disse ele.

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -