Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Cristóvão Colombo realmente encontrou canibais no Caribe

REDAÇÃO RENOVA Mídia

REDAÇÃO RENOVA Mídia

Cristóvão Colombo realmente encontrou canibais no Caribe
Imagem: Reprodução/DailyMail
COMPARTILHE

“Passei anos tentando provar que Colombo estava errado quando ele estava certo”, disse pesquisador.

Cristóvão Colombo, navegador e explorador da Itália, chegou à América Central em 1492.

De volta à Europa, Colombo contou histórias sobre como os povos da região praticavam canibalismo quando ele e sua frota chegaram por lá. 

Entretanto, ao longo das últimas décadas, os historiadores acreditavam que esses relatos nada mais eram que mitos. Mas isso mudou recentemente.

Publicado na última sexta-feira (10) na revista Nature, um estudo mostra que os caribes invadiram a Jamaica, as Bahamas e a Ilha de São Domingos antes da chegada dos europeus por lá. 

Em um comunicado, o pesquisador William Keegan afirmou:

“Passei anos tentando provar que Colombo estava errado quando ele estava certo: havia caribes no norte do Caribe quando ele chegou. Teremos de reinterpretar tudo o que pensávamos que sabíamos.”

A descoberta foi feita graças à tecnologia de reconhecimento facial, que permitiu aos pesquisadores analisar os crânios dos primeiros habitantes do Caribe. 

Independentemente de a primeira impressão de Colombo ser precisa, a percepção europeia de que os caribes eram canibais teve um tremendo impacto na história da região. 

A monarquia da Espanha, por exemplo, usou a prática de canibalismo como argumento para escravizar uma boa parte da população local.

Segundo a revista Galileu, Keegan acrescentou:

“A Coroa disse: ‘Bem, se eles se comportarem dessa maneira, podem ser escravizados’. De repente, todos os nativos de todo o Caribe se tornaram caribes para os colonos.”

- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram