Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch
Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch

Cuba revela faturamento bilionário com exportação de médicos

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Cuba revela faturamento bilionário com exportação de médicos

A exportação de médicos e serviços de saúde é a principal fonte de divisas do regime comunista cubano.

Divulgadas pela primeira vez na última sexta-feira, 2 de agosto, estatísticas oficiais mostram que a ditadura de Cuba obteve US$ 6,4 bilhões com a exportação de serviços médicos e de saúde em 2018.

O valor representa mais da metade das exportações de serviços do regime comandado por Miguel Díaz-Canel.

Principal fonte de divisas de Havana, a exportação dos serviços profissionais tem diminuído em meio ao colapso da Venezuela, principal cliente cubano.

Além disso, outros países que tinham acordos com Cuba, como Brasil, Equador, Argentina, Moçambique, Angola e Argélia, cortaram as contratações de profissionais cubanos ou encerraram de vez os acordos, informa o jornal Gazeta do Povo.

Enquanto o retorno financeiro com seus médicos diminui, Cuba enfrenta uma recessão que levou ao racionamento de energia e ao controle de preços de alimentos.

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email