Português   English   Español

Daniel Ortega garante que não deixará o poder na Nicarágua

ortega

O esquerdista Daniel Ortega declarou nesta segunda-feira (23) que não renunciará à presidência da Nicarágua e que concluirá seu mandato em 2021, rejeitando os apelos da população.

“Nosso mandato termina em 2021, quando teremos as próximas eleições”, disse Ortega em entrevista à rede de televisão americana Fox News, negando a proposta da oposição de antecipar a votação.

‘Antecipar as eleições criaria instabilidade, insegurança e pioraria as coisas’, declarou Ortega, 72 anos.

O líder do regime da Nicarágua está no comando do país há 22 anos, desde a revolução sandinista que provocou, em 1979, a queda do ditador Anastasio Somoza.

Apesar das centena de mortes e dos protestos diários por todo o país, Daniel Ortega garantiu que a onda de manifestações iniciada em abril já terminou.

‘Já se passou uma semana desde o final dos distúrbios. As coisas estão voltando ao normal no país’, disse o membro do Foro de São Paulo.

Para tentar conter os protestos contra o regime, o Parlamento controlado por Ortega aprovou na semana passada uma polêmica lei que pune com entre 15 e 20 anos de prisão os envolvidos em atividades contra o governo.

Adaptado da fonte AFP

Deixe seu comentário

Veja também...