Português   English   Español

Davi Alcolumbre (DEM-AP) é eleito presidente do Senado

Davi Alcolumbre (DEM-AP) é eleito presidente do Senado
João Guilherme
João Guilherme
Estudante e interessado em política, história e religião.

Ainda em primeiro turno, o senador Davi Alcolumbre (DEM-AP) foi eleito presidente do Senado após desistência de Renan Calheiros (MDB-AL).


O senador Davi Alcolumbre (DEM-AP) foi eleito para o seu primeiro mandato como presidente do Senado Federal.

Em uma sessão dividida em duas partes por conta de um chilique da senadora Katia Abreu (PDT-TO), que ontem se recusava a aceitar que Davi Alcolumbre (DEM-AP) ocupasse o cargo de presidente em exercício, o presidente da casa foi eleito em uma votação feita em cédulas, mas com a liberdade para a publicidade dos votos.

As cédulas, no entanto, também causaram polêmica. Ao final da primeira votação, iniciada por volta das 15h30, foram encontradas 82 cédulas dentro da urna que deveria conter apenas 81. Depois de muito bate-boca, trituração dos votos e de ver o presidente em exercício rasgar, depois de ter olhado, as cédulas avulsas, ficou decidido que a votação seria reiniciada.

A sessão ainda contou com uma ida de Renan Calheiros à tribuna do Senado para reclamar dos senadores do PSDB, que decidiram divulgar seus votos com antecedência, e de Flavio Bolsonaro, que o fez após ter votado secretamente na primeira votação. O senador alagoano acabou por desistir da candidatura, reclamando da “falta de transparência” do pleito em que os seus colegas optaram por dar satisfações aos seus eleitores.

Mesmo com a renúncia de Renan, os senadores prosseguiram com a votação sem alterar as cédulas, o que explica o fato de Calheiros ter recebido votos na eleição.

Eduardo Braga (MDB-AM), Jader Barbalho (MDB-PA), Renan Calheiros (MDB-AL) e Maria do Carmo (DEM-SE) se ausentaram da votação após o espetáculo do alagoano, fazendo com que o total de votos fosse de 77, ao invés de 81, número de senadores.

Confira abaixo total de votos que cada senador na disputa recebeu:

  • Ângelo Coronel (PSD-BA): 08
  • Davi Alcolumbre (DEM-AP): 42
  • Esperidião Amin (PP-SC): 13
  • Fernando Collor (Pros-AL): 03
  • Renan Calheiros (MDB-AL): 05
  • Reguffe (sem partido-DF): 06

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on reddit
Share on vk

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...