- PUBLICIDADE -

Decreto de Bolsonaro quebrará o monopólio da Taurus

Decreto de Bolsonaro quebrará o monopólio da Taurus
- PUBLICIDADE -

Taurus, maior fabricante de armas do Brasil, começará a enfrentar concorrência em um futuro próximo.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, deve assinar amanhã, dia 7 de maio, um decreto estabelecendo novas regras para uso de armas e munição por colecionadores, atiradores e caçadores, conhecidos como Cacs.

O presidente afirmou que não haverá limite para quantidade de munição e que a categoria “vai poder transportar arma municiada”.

Bolsonaro informou sobre o decreto ao sair do Palácio da Alvorada neste domingo (5).

O chefe do Executivo parou para cumprimentar populares que estavam no portão que dá acesso à residência oficial, e foi abordado por um homem que indagou sobre o tema.

Bolsonaro respondeu:

“Vou assinar na terça-feira, às 16h. CAC não vai ter quantidade de munição. Vai poder transportar arma municiada, quebrando o monopólio também.”

O decreto é uma das promessas de campanha do então candidato no ano passado e apoiado por familiares dele, que consideram o produto vendido no Brasil de baixa qualidade.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -