Defensores de Ortega cercam dignitários da Igreja na Nicarágua

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Centenas de defensores do governo esquerdista de Daniel Ortega receberam nesta segunda-feira (9) aos gritos de “assassinos” e outros insultos os dignatários da Igreja Católica.

Os membros do clero chegaram hoje à cidade de Diriamba, no sudoeste da Nicarágua.

No domingo (8), houve uma violenta incursão de policiais e milícias contra manifestantes na cidade.

Armas de guerra foram utilizadas pelas forças governistas, inclusive um lança-foguetes de fabricação russa.

A forte repressão deixou deixou ao menos 14 mortos em Diriamba.

Enquanto isso, nesta segunda-feira, uma caravana presidida pelo cardeal Leopoldo Brenes e pelo núncio Stanislaw Waldemar Sommertag foi alvo de intensa hostilidade por parte de defensores do governo.

“Queremos a paz”, “Não queremos mais bloqueios de ruas”, “Assassinos”, “Mentirosos”, “Filhos da puta”, gritavam os apoiadores de Daniel Ortega.

 

Com informações do BOL

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.