Português   English   Español

Defesa de Lula parte para o ataque contra Moro no STF

Defesa de Lula parte para o ataque contra Moro no STF

A defesa do presidiário Lula quer que o STF anule a decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ) que negou a suspeição do juiz federal Sergio Moro.

Auxiliares de Lula avaliam que o novo pedido de suspeição de Sergio Moro que a defesa do petista vai apresentar ao Supremo nesta segunda (5) vai obrigar a corte a se posicionar sobre a atuação do juiz.

Os que acompanham de perto os processos e apoiam o presidiário dizem que, “diante de toda a trama”, o STF terá que decidir se a atuação de Moro “não causou qualquer prejuízo à estética da imparcialidade tão cara à Justiça”.

O recurso estava previsto antes mesmo de Moro aceitar o convite do presidente eleito Jair Bolsonaro para ocupar o Ministério da Justiça.

A defesa de Lula vai pedir a revisão da decisão do STJ, que negou a suspeição do juiz. Se o Supremo aceitar o pedido, o processo pode ser considerado nulo –hipótese hoje vista como improvável.

 

Adaptado da fonte Folha

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

Deixe seu comentário

Veja também...