Delator diz que levou sacola com R$ 220 mil para Beto Richa

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Tony Garcia, amigo do ex-governador, teve acordo de delação homologado pela Justiça a partir de gravações e mensagens de texto.

O empresário Antonio Celso Garcia, o Tony Garcia, afirmou em delação homologada pela Justiça que levou pessoalmente uma sacola com R$ 220 mil ao apartamento do ex-governador do Paraná Beto Richa (PSDB).

Beto e a mulher, Fernanda Richa, foram presos pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) na terça-feira (11) sob suspeita de corrupção, fraude a licitação e lavagem de dinheiro. Ambos negam participação nos crimes.

O dinheiro, relatou Tony, era propina em troca de favorecimento a empresas em licitações do Patrulha do Campo, um programa do governo estadual para manutenção das estradas rurais.

“(…) fui com a sacola na casa do Beto. Daí joguei no pé dele: ‘Tó’. ‘O que é isso?’. ‘É dinheiro’. ‘Mas tá louco, você vai trazer esse dinheiro aqui em casa? A Fernanda tá aí'”, disse o delator na delação.

Ainda conforme o depoimento do delator, Beto pediu que ele levasse o dinheiro para a casa do irmão do ex-governador, Pepe Richa, o que foi feito.

 

Adaptado da fonte G1

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.