Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Delegação parlamentar da União Europeia impedida de entrar na Venezuela

Delegação parlamentar da União Europeia impedida de entrar na Venezuela
COMPARTILHE

Quatro deputados que integram a delegação do Parlamento Europeu foram impedidos de entrar na Venezuela e tiveram os passaportes retidos.

O grupo de eurodeputados foi convidado pela Assembleia Nacional, formada por maioria de oposição e não reconhecida pela ditadura de Nicolás Maduro.

Em seu perfil pessoal no Twitter, o chanceler Jorge Arreaza informou que os parlamentares europeus foram notificados que não poderiam ingressar na Venezuela.

O impedimento aos ingresso parlamentares ocorreu neste domingo (17).

A Venezuela vive uma intensa crise humanitária, política e econômica. O deputado Juan Guaidó se autoproclamou presidente interino, no último dia 23, e foi reconhecido por vários governos, inclusive o do Brasil.

A expulsão dos eurodeputados foi denunciada por Guaidó em um vídeo postado na sua conta no Twitter.

A delegação estava composta pelos eurodeputados Esteban González Pons, José Ignácio Salafranca Sánchéz-Neyra e Juan Salafranca, além de Paulo Rangel, informa a agência EBC.

No final de semana, o senador republicano dos Estados Unidos, Marco Rubio, reclamou das dificuldades para o ingresso de ajuda humanitária internacional na Venezuela.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários