- PUBLICIDADE -

‘Democracia sai fortalecida na Bolívia’, diz Azevedo e Silva

‘Democracia sai fortalecida na Bolívia’, diz Azevedo e Silva
Imagem: Pedro Ladeira/Folhapress
- PUBLICIDADE -

O general brasileiro exaltou a importância do papel das Forças Armadas da Bolívia no episódio da renúncia de Morales.

O ministro brasileiro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, disse, neste domingo (10), que “a democracia sai fortalecida” com o anúncio da renúncia de Evo Morales à presidência da Bolívia

O general exaltou a importância do papel das Forças Armadas neste episódio, de “apoio à democracia” e na “defesa da lisura das eleições”, segundo o jornal Estadão.

De acordo com Azevedo e Silva, os ministérios das Relações Exteriores e da Defesa estão “acompanhando atentamente” a evolução de todo esse processo no país vizinho.

Na avaliação do ministro, a tendência é que com a renúncia “a situação se acalme”. 

Já o Itamaraty, na figura do chanceler Ernesto Araújo, afirmou que não procede a narrativa de golpe alardeada pelos aliados de Morales no Foro de São Paulo.

“Brasil apoiará transição democrática e constitucional. Narrativa de golpe só serve para incitar violência”, disse Araújo em publicação na rede social Twitter.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -