Português   English   Español

Dependente da energia venezuelana, Roraima vive apagões constantes

O estado de Roraima vive apagões constantes

Único estado desconectado do SIN (Sistema Interligado Nacional), Roraima depende do fornecimento de energia da Venezuela desde 2001, além de quatro termelétricas.

O recepcionista do hotel sabe responder na ponta da língua: “Ontem foram três e hoje, mais cinco”, disse na última terça-feira (9) Robson Machado, sobre os apagões no fornecimento de energia elétrica em Boa Vista (RR).

Não seriam os únicos na semana. Desde a última segunda-feira (8), a capital de Roraima registrou ao menos dez interrupções de energia, algumas de curta duração e outras de ao menos meia hora.

Neste ano, até setembro, foram registrados 65 blecautes em Roraima, segundo a Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica), concentrados nos últimos três meses. Em julho foram 13, em agosto ocorreram mais 10 e, em setembro, 34. Para a Aneel, isso “demonstra a frequente descontinuidade no sistema”.

A energia proveniente da Venezuela tinha sido deixada de ser usada em setembro, mas voltou a abastecer o Estado desde segunda, de forma complementar. Por ter custo de geração mais baixo, a energia do país vizinho tem prioridade de uso, segundo a Eletrobras.

 

Adaptado da fonte Folha

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

Deixe seu comentário

Veja também...