Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Deputada americana defende “penas robustas” contra o Facebook

COMPARTILHE

Alguns congressistas defenderam a aplicação de multas à empresa, por descumprir um acordo feito em 2011 com o órgão de defesa do consumidor dos EUA, para proteger os dados dos usuários.

Em novo depoimento ao Congresso americano, o fundador e presidente-executivo do Facebook, Mark Zuckerberg, afirmou nesta quarta (11) que teve seus dados pessoais colhidos pelo aplicativo usado pela consultoria Cambridge Analytica para difundir propaganda política.

No total, 87 milhões de usuários do Facebook foram afetados —incluindo o seu fundador.

Muitos congressistas perguntaram o que exatamente o Facebook rastreava, inclusive em outros aplicativos, ou se a plataforma ouvia às conversas dos usuários pelos microfones do celular ou de um computador –Zuckerberg disse que não.

“Muitos desses casos são coincidências”, afirmou o executivo, sobre a publicação de anúncios que parecem ter informações nunca relevadas na plataforma.

O deputado Bobby Rush chegou a comparar a atividade do Facebook com o monitoramento de ativistas dos direitos civis pelo FBI, na década de 1960.

“Vocês não são mais a companhia que começou num dormitório da faculdade. Há uma enorme responsabilidade social que você falhou em considerar”, disse Rush.

Na terça (10), muitos senadores se mostraram desconfiados e questionaram se a empresa não cresceu demais, sugerindo uma possibilidade de regulação antitruste.

A preocupação ressurgiu nesta quarta, quando alguns congressistas defenderam inclusive a aplicação de multas ao Facebook, por descumprir um acordo feito em 2011 com o órgão de defesa do consumidor dos EUA, para proteger os dados dos usuários.

“Precisamos de penas robustas, para evitar que isso aconteça novamente”, disse a democrata Diana DeGette, do Colorado.

 

Com informações de: [GdP]

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários

PUBLICIDADE