Deputado do PSOL usa mídia britânica para atacar Ferrogrão

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

“Ferrogrão resultará em sérios danos ambientais à Amazônia”, diz deputado.

O progresso do setor ferroviário do Brasil está causando calafrios em alguns parlamentares da oposição ao governo federal.

Um deles é o deputado David Miranda, do PSOL, que disse que a construção da Ferrogrão, um dos mais importantes projetos ferroviários do país, “deve ser parada”.

A ferrovia de 1.000 km de Bolsonaro na Amazônia causará o caos climático”, acrescentou Miranda.

O comentário do parlamentar do PSOL foi feito em uma coluna publicada pelo deputado, nesta quarta-feira (28), no jornal britânico The Guardian.

É verdade que a Ferrogrão, assim como tantos projetos de Bolsonaro, resultará em sérios danos ambientais à Amazônia e, portanto, ao mundo”, continuou o deputado.

É importante ressaltar que a desinformação sobre a ferrovia propagada por David Miranda no jornal britânico não é baseada em dados, apenas em narrativas.

Nos próximos dias, uma comitiva da Internacional Progressista, entidade criada no ano passado pelo senador americano Bernie Sanders e pelo ex-ministro das Finanças da Grécia, Yanis Varoufakis, desembarcará no Brasil.

O motivo da viagem do grupo é fazer pressão contra a construção da Ferrogrão, como noticiou a Renova na reportagem “Internacional Progressista vem ao Brasil pressionar contra Ferrogrão”.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.